NOTÍCIAS

02/14/2022

Renovamos nosso apelo, agora por um pacto regional

Em novembro de 2020, a CIC, a CDL, o CEC e a Rota dos Espumantes publicaram uma nota conjunta sob o título “Pacto por Garibaldi. No texto, as entidades reunidas destacavam a importância de uma aliança em prol do município.
O objetivo era o de criar um ambiente favorável à harmonia e à união sem o acirramento de uma polarização que pudesse representar retrocessos. Hoje, voltamos a conclamar a todos para que reflitam sobre essa proposta.
E acreditamos que este pacto deva ser em prol do desenvolvimento da Serra Gaúcha. Estamos no limiar da definição sobre a concessão das rodovias. Muito se discutiu sobre o tema. A entidade, inclusive, realizou investimentos para patrocinar estudos que apresentassem uma proposta mais adequada às nossas necessidades.
Há décadas batalhamos para melhorar a infraestrutura de nossa região, que segue na contramão de nossa economia. O modelo pactuado não é perfeito. Porém, diante de um ano que nos apresenta eleições estaduais e federais, não podemos ficar presos novamente a simples promessas e ignorar os avanços que conquistamos.
Não há, em uma memória recente, investimentos realizados em nossas rodovias como este que se vislumbra. Acreditamos, aqui na CIC, que o preço de não aceitarmos a concessão das rodovias seja muito maior do que os prejuízos que nossas empresas já acumulam pela perda de competitividade e riscos enfrentados em um sistema viário defasado.
Conquistamos muito no período de discussões sobre o modelo a ser adotado e as obras a serem realizadas. E esses avanços não podem ser ignorados nesta hora decisiva, sob pena de voltamos à estaca zero e retrocedermos no tempo, mais uma vez.
Renovamos nosso apelo: É hora de olhar para frente, promover um verdadeiro pacto e trabalharmos para que o protagonismo de nossa região seja sempre na direção da integração de objetivos, da inovação e da geração de oportunidades de desenvolvimento.
Tobias Debiasi
Presidente da CIC Garibaldi

Compartilhe

Últimas notícias

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Como podemos ajudar ?